Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ter Menos Ser Mais

Encontre nas coisas simples a liberdade, a felicidade e a intencionalidade da vida

Ter Menos Ser Mais

Encontre nas coisas simples a liberdade, a felicidade e a intencionalidade da vida

4 Atitudes positivas dos yogis/yoginis perante a vida que todos devíamos seguir!

04.12.18, Vânia Carranca

_DSC0150.JPG

 

O Yoga está na moda, e também na moda estão todas as formas de viver que nos trazem mais consciência e felicidade. Considero que nos encontramos numa época de viragem, as tecnologias evoluíram de forma muito rápida nos últimos anos, fazendo com que a nossa adaptação a elas, esteja, ainda a ocorrer. O mundo é cada vez mais exigente, mais competitivo e precisamos de ser resilientes. As mudanças são tudo aquilo que temos de mais constante nas nossas vidas e portanto devemos  de aprender a lidar com elas.
 
Os praticantes de Yoga, yogis e yoginis têm formas de estar e de encarar determinadas situações que os destingem de outros. Não que os yogis tenham em seu poder algum segredo apenas têm ferramentas que a prática do Yoga fornece ajudando nesta tal adaptação positiva.
 
 

Encaramos os problemas de forma mais pacifica

Isto não quer dizer que os yogis/yoginis não sofram, não desesperem e não queiram desistir perante as adversidades, apenas sabemos que temos ferramentas a nossa disposição que nos podem ajudar a enfrentar as situações menos boas. Temos o controlo dos nossos pensamentos, através da meditação, evitando que estes se tornem o nosso pior inimigo, temos o controlo da respiração, atravéz do pranayama, que nos impede de entrar em estados extremos preocupação e de ansiedade. Temos as práticas de Yoga que nos transportam de imeditato para o momento presente permitindo relaxar o corpo e a mente fornencendo tempo para restaurar forças e foco.

 

Queremos estar mais perto da natureza

Sentimos, claramente, com o despertar da nossa consciência que fazemos parte de um todo e com ele devemos estar em sintonia e equilíbrio. A necessidade de estar e permanecer mais tempo em contacto com a natureza torna-se notório nos praticantes. Sabemos a força do prana/energia que um ambiente no campo ou perto do mar pode ter sobre a nossa disposição e bem-estar e do quão essencial isso é para o equilibrio pessoal e mental de todos nós.

 

 

Valorizamos mais as relações

O Yoga desperta os seus praticantes para as pequenas coisas da vida, não fosse esta uma prática das pequenas, mas poderosas coisas, tais como trabalhar a respiração, a atenção plena, criar espaço, trabalhar os pensamentos. Sabemos que as relações são elas essenciais e cruciais nas nossas vidas e para a nossa felicidade, e por isso mantemos perto de nós quem nos faz bem e tendo, também, a clara consciência de quem não nos faz bem tendemos a afastar essas pessoas. Quando me refiro a pessoas, também em refiro a situações, trabalhos, objetos entre outras coisas. Sabemos destingir claramente ou instintivamente aquilo que é positivo para nós e para a nossa vida.

 

 

Temos uma atitude tranquila perante a vida

O Yoga ensina-nos que a mudança é aquilo que temos de mais certo e mais constante nas nossas vidas. Não podemos controlar as mudanças nem evitar que estas acorram e os yogis/yoginis sabem disso. Também sabem que o que realmente está ao alcance é a capacidade de adaptação a estas mesma mudanças inevitáveis. Tendemos, por isso, a ser pessoas mais tranquilas no dia a dia porque aceitamos a inconstância que as constantes mudanças nos trazem tendo a certeza de sermos capazes de as enfrentar.

 

Já é praticante? Então pode confirmar estes pontos em si mesmo. E você do que está a espera para começar a praticar?

 

Namastê!