Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ter Menos Ser Mais

Encontre nas coisas simples a liberdade, a felicidade e a intencionalidade da vida

Ter Menos Ser Mais

Encontre nas coisas simples a liberdade, a felicidade e a intencionalidade da vida

As tendências e a sua comercialização

advertise-768067.jpg

Tudo aquilo que cria seguidores torna-se numa tendência. Tudo aquilo que se torna numa tendência é comercializado. 

 

A busca de novos estilos de vida que pretendem alcançar o bem estar pessoal e do planeta não surgiram hoje. Desde sempre que estamos nesta busca. A vida na presente sociedade exige, por si só, sacrifícios que têm em nós o efeito contrário daquilo que sempre procuramos. Por isso, hoje mais que nunca, procuramos estar bem! Mas existe um outro lado, o lado do aproveitamento comercial destas "novas" tendências. 

 

Tudo a nossa volta perpétua a ideia ilusória de que vamos obter a plenitude no consumo. Que aos atingirmos objetivos transitórios ofertados como promotores de felicidade vamos conseguir o desejado bem estar. A verdade é que hoje tudo pode ser vendido, ou comprado, até o bem estar. 

 

A utilização de conceitos como ecológico, sustentável, natural, orgânico, biológico, minimalista, vegan... são usados para criar os chamados, novos nichos de mercado. A realidade é que muitas vezes as marcas usam uma destas nomeações apenas como atrativo pois o aquilo que sustenta o conceito em si é completamente defraudado. 

 

Pegando no conceito do minimalismo, se vamos comprar roupa, calçado ou qualquer outro tipo de objeto, apenas, por ser minimalista estamos a dar uma facada naquilo que na realidade este estilo de vida é. 

 

A verdade é que com este aproveitamento e comercialização de tudo, do uso de marketing cada vez mais sofisticado e apurado em descobrir formas de nos colocar no caminho do consumismo, faz com que a grande maioria das vezes não sabemos exatamente aquilo que estamos a comprar.  Acabamos a usar um detergente com químicos prejudiciais a nós e ao ambiente apenas porque a embalagem é verde e anuncia se tratar de um produto ecológico.

 

Como podemos fugir a isto? Para mim esta fuga, apesar de difícil é possível e passa por procurar a informação. Estar informado é necessário pois só assim podemos saber aquilo que estamos a levar para a dentro das nossas casas. Dá trabalho? Sim dá, mas só nós podemos ter esse cuidado pois para a industria o principal objetivo é o lucro mesmo que isso ponha em causa premissas básicas e essências como a saúde e a conservação do meio ambiente. 

 

 

6 comentários

Comentar post